Ana. Sem Título
Lucia Murat

ESTREIA Em breve

Ana. Sem Título
Lucia Murat

ESTREIA Em breve

Stela, uma jovem atriz brasileira, decide fazer um trabalho sobre as cartas trocadas entre artistas plásticas latino-americanas nos anos 70 e 80. Viaja para Cuba, México, Argentina e Chile à procura de seus trabalhos e de depoimentos sobre a realidade que elas viveram durante as ditaduras que a maior parte desses países enfrentaram na época. Em meio à investigação, Stela descobre a existência de Ana, uma jovem brasileira que fez parte desse mundo, mas desapareceu. Em 1968, Ana foi do sul do Brasil, de uma pequena cidade do interior, para a efervescente Buenos Aires, que vivia um momento de mudança nas artes plásticas e no comportamento. Obcecada pela personagem, Stela resolve encontrá-la e descobrir o que aconteceu com ela.

O filme é livremente inspirado na peça Há mais futuro que passado.

Ficha Técnica

Direção: Lucia Murat

Roteiro: Lucia Murat e Tatiana Salem Levy

Produção: Lucia Murat e Felicitas Raffo

Fotografia: Léo Bittencourt

Edição: Mair Tavares e Marih Oliveira

Direção De Arte: Elsa Romero e Dina Salem Levy

Som direto: Andressa Clain Neves

Mixagem: Emmanuel Croset

Figurino: Ines Salgado

Gênero: Drama

País: Brasil

Ano: 2020

Cor

Duração:Duração

Classificação: A Definir

Motivos para assistir

De Lucia Murat, diretora de "Quase Dois Irmãos", "A Memória Que me Contam" e "Praça Paris" 

                            

Para receber novidades sobre o filme, acompanhe as redes sociais:

Próximo

Cidadãos do Mundo